Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

2ª Gala Trimestral dos Prémios Lusos.

«Ser um empreendedor é executar os sonhos, mesmo que haja riscos. É enfrentar os problemas, mesmo não tendo forças. É caminhar por lugares desconhecidos, mesmo sem bússola. É tomar atitudes que ninguém tomou. É ter consciência de que quem vence sem obstáculos triunfa sem glória. É não esperar uma herança, mas construir uma história...»

 

Como referi neste post os meus amigos, além de terem excelentes ideias, pensam fora da caixa e colocam-nas em prática. A Ana Firmo Ferreira fê-lo de uma forma inteligente e soube identificar a oportunidade tornando-a num negócio lucrativo e, mais importante, criativo. Colocou em prática uma ideia que chegou além fronteiras e deu forma aos Lusos - os prémios lusófonos da criatividade que falam a mesma língua.

Um projecto sólido e consistente que aos longo de várias edições atribui prémios de três em três meses. Estes prémios visam distinguir o que de melhor se faz nas áreas da publicidade e relações públicas.

A apresentação da cerimónia da Segunda Gala dos Prémios Lusos esteve a cargo de João Blümel - o Mentalista - e teve lugar na Culturgest no passado dia 7 de novembro. Estiveram a concurso 50 agências de Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique e Portugal com um total de 400 trabalhos analisados pelos jurados. No final das quatro galas trimestrais, terá lugar a Grande Gala Anual dos Prémios Lusos, onde serão premiadas as agências e profissionais do ano. Podem visitar a página do Facebook e acompanhar todas fotografias e informações.

 

 

 

João Blümel


 


 







Ana F. Ferreira


Todas as fotografias estão reservadas aos direitos de Preto & Prata Produções pelo que qualquer reprodução das mesmas requer uma autorização prévia por parte do autor.


Beijinhos, La Bohemie.