Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

Conheço-te demasiado bem para ser cliché.

P. - Estão duas miúdas ao meu lado no café. Uma conta à outra as suas aventuras amorosas, enquanto a outra escuta. As duas no meio do cliché. Eu leio o meu livro, mas elas acham que estou preocupado com o que elas estão a dizer. Oiço uma dizer à outra «Apetecia-me festa com os dois.» Logo corrige «Uma festa de aniversáriooo.» Não consigo estar à vontade a olhar para a rua enquanto penso no que estou a ler porque quando o faço, elas ficam desconfortáveis. A morte em vida.

 

M. - Correcção: estão três gajas no café.

 

P. - Porque é que tu agora te sais sempre com essa?

 

M. - Porque gosto de ti (:

 

P. - Ah ah Conversas descritivas, é o que elas conseguem ter. Sabes as pessoas que são assim? Só sabem conversar descrevendo a vida.

 

M. - Estiveste a beber?

 

P. - Só se pode escrever com cuidado quando se bebe?

 

M. - Elas descrevem a vida e tu descreves-me a conversa que elas estão a ter sobre a vida. Faz sentido.

 

P. - Exacto. A diferença é que eu estou a catalogá-las. Sei como são.

 

M. - Podias estar a beber Coca-Cola.

 

P. - Ice Tea.

 

M. - De que catálogo são? Isso já é para a winter season? De que sabor?

 

P. - Peach. Não consigo estar num sítio sem beber algo com este calor.

 

M. - Pêssego, claro.

 

P. - Cliché?

 

M. - Não. Conheço-te demasiado bem para ser cliché.

 

 

Beijinhos, La Bohemie.