Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

Homens apaixonados.

Mafalda - Vejam-me aquele puto a dançar, está-me a dar uma enorme vontade de rir. Está a tentar engatar a miúda, mas está tão envergonhado. E fica parvo. Era assim que eles se engatavam todos há muitos anos, nestes bailaricos.

Ana - Pois era, por isso tens de ir dançar, aí sentada não conquistas alguém de certeza.

Mafalda - Eu não gosto de dançar. Mas o miúdo tem imensa piada, parece um atrasado mental.

Cláudio - Se calhar é só esquizofrénico.

Mafalda - Oh, não digas isso. Se for deficiente não tem culpa, mas se for atrasado mental já tem.

Cláudio - Está a meter-se com a rapariga. Se calhar, está só apaixonado.

Mafalda - Palminhas, vês como chegaste lá? Um homem apaixonado é um autêntico atrasado mental.

Sandra - Ai, eu então adoro homens atrasados mentais.

Mafalda - Claro, e não gostamos todas? Quando estamos apaixonadas também somos umas parvas.

Sandra - Eu gosto de um bom atrasado mental, principalmente se estiver apaixonado por mim.

Cláudio - Os homens apaixonados são atrasados mentais? Tu não podes dizer isso...

Mafalda - Não posso porquê? Vocês ficam mesmo parvinhos, não há paciência.

Cláudio  - Porque és mulher. Eu sou homem e digo isso dos homens apaixonados, mas tu não podes dizer esse tipo de coisas, estás a quebrar todas as regras idealizadas pelo universo feminino.

Mafalda - É isso mesmo que eu faço, ainda há dias escrevi um texto a explicar que nós mulheres somos umas sonsas.

Cláudio - E são mesmo.

Mafalda - Vês?! Alguém tem de dizer as verdades, e vocês são uns parvos quando estão apaixonados. Mas o puto é mesmo castiço.

 


Beijinhos, La Bohemie.