Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

É tudo uma questão de tempo.

Gosto muito quando me pedem para escrever sobre um determinado assunto, explorar um qualquer ponto ou descortinar uma questão. Nem tanto pelo facto da minha opinião ser importante, mas porque normalmente são pessoas que me conhecem e exigem-me tempo de reflexão, impõem-me trabalho, raciocínio, obrigam-me a escrever, a reler, a apagar tudo e reescrever do início. Como se me colocassem à frente um quebra-cabeças ou uma equação e tivesse de os resolver a longo prazo. E apesar de serem questões tão simples, temas tão actuais, dilemas tão comuns, eu fico ali a marinar na maionese durante horas, dias e às vezes semanas; pesquiso, leio, investigo, escrevo, penso, sinto-me ridícula com o que escrevi, apago, volto a pensar, peço opinião de outras pessoas, reflicto enquanto cozinho e deixo o jantar queimar, penso enquanto adormeço, acordo a meio da noite porque lembrei-me de um qualquer ponto importante, é o drama. Mas o maior problema é quando entro em contradição comigo mesma, como se tivesse três cérebros: um conservador, outro liberal e um que tenta manter a ordem dos extremos. Por vezes, chego mesmo a sentir-me tripolar.  E por aqui ando, há dois dias a queimar neurónios como se já não tivesse poucos.

 

Beijinhos, La Bohemie.