Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

Anabela Baldaque Collection

 "É uma mulher adulta que adora vestir-se e ver-se ao espelho. Gosta de se passear pela cidade grande e cosmopolita. É adulta mas brinca e dá relevo às peças em movimento, plenas de drapeados que, por vezes, quase parecem folhos. Das rendas faz usos fáceis e descomprometidos. Diverte-se com os pêlos falsos das golas e dos volumes pomposos. Faz os vestidos parecerem jóias... e são! Sorri para quem passa, é alegre e os seus cabelos são enormes e volumosos. Dá uma gargalhada pois viu-se por entre os vidros de uma montra. É sedutora. Vai jantar fora e desafia os seus vizinhos pois leva aquele casaco que vai além do desejo - esse já foi roubado e teve que comprar outro... igual. Tem a sua peça preferida. E as cores... Não sabe o que fazer. Adora todas as cores que existem e procura sempre o que não é óbvio, mas aconselha-se com a lua que invade o seu guarda-vestidos. O mais engraçado é que a lua, às vezes, parece um sol, tal a sua dimensão. E lembra-se do menino que disse à mãe que há dois escuros: o de apagar a luz e o de fechar os olhos. Tal como nas cores o sombrio pode ter claridade e a luz pode ter escuridão. Tudo depende da maneira como se olha a coisa... 100% Amor é o que devemos pôr em tudo o que fazemos". Está tudo dito. Anabela Baldaque.

 

 

Anabela Baldaque

 ´*Todas as fotografias estão reservadas aos direitos de Paulo Costa Fotografia.

Beijinhos, La Bohemie.