Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

La Bohemie

Julie & The Carjackers.

 

Marimba, flauta, fliscorne, trombone, guitarras, percussões variadas, múltiplos teclados. Fosse eu uma entendida do assunto e saberia ser mais explicita, mas não, preciso que me expliquem as características de cada instrumento. Problema menor – deixo-me contemplar pela sonoridade dos arranjos musicais dos sopros, dos coros, dos teclados. Os díspares “lead-singers”, a diversidade musical e as alternâncias rítmicas contribuem para o universo misterioso e surpreendente de PARASOL. Falo do primeiro disco do grupo Julie & The Carjackers, lançado em Novembro de 2011. O grupo de rock-folk com influências musicais que variam entre a música tropical, exótica, jazz e Indie Pop acústica foi formado em 2009 e presenteia-nos uma sonoridade intemporal e idiossincrática. 

 

No sábado fui ouvi-los no Mercado da Ribeira e muito ao estilo de Chico Buarque, num rodopio entre o Bossa Nova o novo rock americano dos anos 90, foi impossível não dançar e lembrar-me dos tempos em que vivi no Brasil.

 

 

Wait by the telephone

 

 

As we walk down this road

 

 

Mr Williams

 

João Correia – vocals, guitar, percussion
Bruno Pernadas - guitar
Inês Sousa - vocals, percussion
Margarida Campelo - vocals, piano, keyboards
Pedro Pinto - electric bass, double-bass
António V. Dias - drums, vocals
Beijinhos, La Bohemie.